Domingo, 9 de Março de 2008

Rosas E Vinho Tinto - Capital Inicial

Olhando de longe
Parece normal
De perto, distante e um pouco atrás
Diferente até entre iguais

Eu corro o risco de parecer um pouco tolo
Um ser abissal e um péssimo ator
Falando sem parar naquela coisa cega
Que começa com "a" e termina com "mor"

Você é tudo pra mim
O princípio e o fim
Agora vem a verdade
Às vezes eu minto
Como um peixe nadando
Num mar de rosas
E vinho tinto

Horas depois enquanto me arrependo
Tentando voltar querendo fugir
Comecei a chorar
Morrendo de rir


Eu me peguei levando à sério
Tudo que eu não tenho
Os melhores momentos que posso sofrer
Aquela sensação que volta misturando
Um pouco demais
Com nada à perder

O QUE TEMOS NO BAÚ...:
Publicado por Tatiane Lima às 05:32
Link do post | DEIXE SEU RECADO | ADD O BAÚ EM FAVORITOS

Eu Vou Estar - Capital Inicial

Composição: Dinho Ouro Preto / Alvin L.

Eu não vou pro inferno
Eu não iria tão longe por você

Mais vai ser impossível não lembrar
Vou estar em tudo em que você vê:

Nos seus livros, nos seus discos
Vou entrar na sua roupa
E onde você menos esperar
Eu vou estar

Eu não vou pro céu também
Eu não sou tão bom assim

E mesmo quando encontrar alguém
Você ainda vai ver, a mim;

Nos seus livros, nos seus discos
Vou entrar na sua roupa
E onde você menos esperar

Em baixo da cama
Nos carros passando
No verde da grama
Na chuva chegando
Eu vou voltar;

Nos seus livros, nos seus discos
Vou entrar na sua roupa
E onde você menos esperar
Eu vou estar, eu vou estar...


O QUE TEMOS NO BAÚ...:
Publicado por Tatiane Lima às 05:23
Link do post | DEIXE SEU RECADO | ADD O BAÚ EM FAVORITOS

Tudo Que Vai - Capital Inicial

Composição: Dado Villa-Lobos, Alvin L., Tony Platão

Hoje é o dia
E eu quase posso tocar o silêncio
A casa vazia.
Só as coisas que você não quis
Me fazem companhia
Eu fico à vontade com a sua ausência
Eu já me acostumei a esquecer

Tudo que vai
Deixa o gosto, deixa as fotos
Quanto tempo faz
Deixa os dedos, deixa a memória
Eu nem me lembro

Salas e quartos
Somem sem deixar vestígio
Seu rosto em pedaços
Misturado com o que não sobrou
Do que eu sentia
Eu lembro dos filmes que eu nunca vi
Passando sem parar em algum lugar.

Tudo que vai
Deixa o gosto, deixa as fotos
Quanto tempo faz
Deixa os dedos, deixa a memória
Eu nem me lembro mais
Fica o gosto, ficam as fotos
Quanto tempo faz
Ficam os dedos, fica a memória
Eu nem me lembro mais

Quanto tempo, eu já nem sei mais o que é meu
Nem quando, nem onde

Tudo que vai
Deixa o gosto, deixa as fotos
Quanto tempo faz
Deixa os dedos, deixa a memória
Eu nem me lembro mais
Fica o gosto, ficam as fotos
Quanto tempo faz
Ficam os dedos, fica a memória
Eu nem me lembro mais

Eu nem me lembro mais...

ESTOU...: SAUDADE
O QUE TEMOS NO BAÚ...:
Publicado por Tatiane Lima às 05:17
Link do post | DEIXE SEU RECADO | ADD O BAÚ EM FAVORITOS
Terça-feira, 4 de Março de 2008

O Passageiro - Capital Inicial

 

Composição: Dinho Ouro Preto / Bozzo Barretti

Eu sou o passageiro
Eu rodo sem parar
Eu rodo pelos subúrbios escuros
Eu vejo estrelas saindo no céu
É o claro e o vazio do céu
Mas essa noite tudo soa tão bem

Entre no meu carro
Nós vamos rodar
Seremos passageiros à noite
E veremos a cidade em trapos
E veremos o vazio do céu
Sob os cascos dos subúrbios aqui
Mas essa noite tudo soa tão bem

Cantando lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
Cantando lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
Cantando lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá) lá-lá

Olha o passageiro
Como, como ele roda
Olha o passageiro
Roda sem parar

Ele olha pela janela
E o que ele vê
Ele vê sinais no céu
E ele vê as estrelas que saem
E ele vê a cidade em trapos
E ele vê o caminho do mar

E tudo isso foi feito pra mim e você
Tudo isso foi feito pra mim e você
Simplesmente pertence a mim e você
Então vamos rodar e ver o que é meu

lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá) lá-lá-lá

Olha o passageiro
Que roda sem parar
Ele está seguro ali
Conhece o mundo pelo vidro do carro

E isso tudo ele sabe que é seu
Ele vê o vazio do céu
E ele vê as estrelas sair
E ele vê a cidade durmir

E tudo isso é meu e seu
E tudo isso é meu e seu
Então vamos rodar e rodar e rodar e rodar

Cantando lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá) lá-lá

Cantando lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá) lá-lá

Cantando lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá) lá-lá

lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
lá-lá, lá-lá (lá-lá-lá-lá)
...

ESTOU...: o próprio passageiro
O QUE TEMOS NO BAÚ...: ,
Publicado por Tatiane Lima às 00:39
Link do post | DEIXE SEU RECADO | ADD O BAÚ EM FAVORITOS

Aqui - Capital Inicial

Composição: Dinho Ouro Preto / Alvin L.

Às vezes acho
Que eu fiquei louco
Me dando conselhos
Até ficar rouco
Às vezes acho
Que perdi a memória
Contando de novo
A mesma história...

Aqui onde as horas não passam
Aqui onde o Sol não me vê
Aqui onde eu não moro
Não existo sem você...

Me olho no espelho
E me vejo do avesso
O mesmo rosto
Que eu não reconheço
O rádio ligado
Chuva e calor
As gotas me ferem
Mas não sinto dor...

Aqui onde as horas não passam
Aqui onde o Sol não me vê
Aqui onde eu não moro
Não existo sem você...(3x)

Uhuum! Hum! Hum! Hum!


O QUE TEMOS NO BAÚ...: ,
Publicado por Tatiane Lima às 00:29
Link do post | DEIXE SEU RECADO | ADD O BAÚ EM FAVORITOS
Quinta-feira, 13 de Setembro de 2007

Fogo - Capital Inicial

Composição: Dinho Ouro Preto

(Uuuu...)
Você é tão acostumada
A sempre ter razão
(Huuum...)
Você é tão articulada
Quando fala não pede atenção

O poder de dominar é tentador
Eu já não sinto nada
Sou todo torpor

É tão certo quanto calor do fogo
É tão certo quanto calor do fogo
Eu já não tenho escolha
E participo do seu jogo, eu participo

Não consigo dizer se é bom ou mal
Assim como o ar me parece vital
Onde quer que eu vá e o que quer que eu faça
Sem você não tem graça

(Uuu...)
Você sempre surpreende
E eu tento entender
(Huum...)
Você nunca se arrepende
Você gosta e sente até prazer

Mas se você me perguntar
Eu digo sim, eu continuo
Porque a chuva não cai
Só sobre mim

Vejo os outros;
Todos estão tentando
É tão certo quanto calor do fogo
Eu já não tenho escolha
E participo do seu jogo, eu participo

Não consigo dizer se é bom ou mal
Assim como o ar me parece vital
Onde quer que eu vá e o que quer que eu faça
Sem você não tem graça

É tão certo quanto calor do fogo
É tão certo quanto calor do fogo

Eu já não tenho escolha
Eu participo do seu jogo

É tão certo quanto calor do fogo
É tão certo quanto calor do fogo

Eu já não tenho escolha
Eu participo do seu jogo, do seu jogo.

O QUE TEMOS NO BAÚ...:
Publicado por Tatiane Lima às 02:53
Link do post | DEIXE SEU RECADO | ADD O BAÚ EM FAVORITOS

"E as lágrimas que choro, branca e calma, Ninguém as vê brotar dentro da alma! Ninguém as vê cair dentro de mim!" FLORBELA ESPANCA

Ganhe dinheiro postando artigos

QUEM SOU...

REVIRAR O BAÚ

 

Outubro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


BAÚ ATUALIZADO

Rosas E Vinho Tinto - Cap...

Eu Vou Estar - Capital In...

Tudo Que Vai - Capital In...

O Passageiro - Capital In...

Aqui - Capital Inicial

Fogo - Capital Inicial

ENCONTRE NO BAÚ

O QUE TEMOS NO BAÚ...

todas as tags

ÁREA VIP

Boa Sorte / Good Luck

Kid Abelha - Grand Hotel

APENAS MAIS UMA DE AMOR -...

FESTIVAL DE INVERNO BAHIA...

Lenine - Hoje eu quero sa...

Capital Inicial - Primeir...

Todo azul do mar

Flavio Venturini e Beto G...

EXPRESSOS

subscrever feeds

FLASHS DO BAÚ

As imagens POSTADAS aqui foram retiradas da Internet, as que tem autor o nome está divulgado na area de comentário. ás demais se houver autor é só deixar o comentário que eu divulgarei o nome com o maior prazer. Bjs a todos


O meu Blog, "o Báu de Músicas", era denominado " Músicas e Desejos", quando criei tive em mente o objetivo de postar letras de músicas que fazeram, fazem e farão parte de minha vida. O objetivo é o mesmo, mas de nova roupagem. ESPERO QUE GOSTEM! Bjus Tati

Faça a sua parte

ENTRE E COMENTE... TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO BEM VINDOS!!!

SE NÃO ENCONTROU SUA MÚSICA, DEIXE O SEU PEDIDO!